Medicina Ocupacional


O que é Medicina Ocupacional?


A Medicina Ocupacional é uma área médica especializada na relação entre o meio de trabalho e a saúde dos colaboradores. Também conhecida como Medicina do Trabalho, atua na prevenção e tratamento de doenças ou ainda ferimentos que ocorram especificamente no ambiente de trabalho.

Além disso, promove a melhoria do estado de saúde e a qualidade de vida dos empregados, equacionando e promovendo a interação entre a vida pessoal e profissional dos indivíduos, fomentando assim o bem-estar de toda a equipe e favorecendo a produtividade da empresa. Mais do que uma obrigação do empregador, a medicina ocupacional é uma ferramenta que reforça as relações interpessoais, agrega valor à marca e traz segurança e credibilidade ao empreendimento.


Medicina Ocupacional: funções e vantagens


Um dos principais pilares da Medicina Ocupacional é a busca pela manutenção da salubridade e da higiene no local de trabalho. Acompanhar e fiscalizar as condições às quais o empregado está exposto, sejam elas físicas ou psicológicas, é uma de suas principais funções. Para que esse objetivo seja alcançado, uma equipe composta por médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares será responsável por todo o detalhamento do projeto a ser implantado ou mantido, a fim de que sejam oferecidas as melhores condições possíveis para cada trabalho desenvolvido.

Esse planejamento e sua execução são inclusive, garantidos pela Legislação Trabalhista, que desde 1977 assegura o direito à segurança no local de trabalho. Cabe aos órgãos públicos, nas três esferas, a fiscalização e a promoção da melhoria das condições de trabalho, em todos os ramos de atividade. Entretanto, não é só ao ambiente físico que se voltam as atenções quanto à qualidade. Desde 1984, o empregado também é objeto dos cuidados da Medicina Ocupacional, com a obrigatoriedade de avaliações periódicas desde sua contratação, a fim de acompanhar a saúde do colaborador e principalmente prevenir doenças e acidentes decorrentes da atividade profissional.

Com todas essas funções, o profissional da área da Medicina Ocupacional deve ter excelente formação em Clínica Médica, além do conhecimento específico das áreas da saúde pública e suas aplicações no ambiente de trabalho, levando em conta aspectos regionais, sociais, interpessoais e tecnológicos, a fim de prestar o melhor atendimento à empresa e aos colaboradores.

Preciso de ajuda? Converse conosco!
Iniciar a conversa
Oi! Clique em um de nossos membros abaixo para conversar no WhatsApp
Normalmente responde em alguns minutos